PODER JUDICIÁRIO
JUSTIÇA DO TRABALHO
TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO
8ª Vara do Trabalho de Manaus
RTOrd 0000683-60.2015.5.11.0008
AUTOR: ELLEN PRISCILLA PEREIRA DE LIRA
RÉU: LG ELECTRONICS DA AMAZONIA LTDA

SENTENÇA DE IMPUGNAÇÃO AOS CÁLCULOS

I- RELATÓRIO

Insurge-se a exequente em relação aos cálculos de atualização elaborados pela contadoria da vara sob o argumento de erro material, tendo em vista que o saldo remanescente seria R$ 19.315,42 e não R$16.682,37, como foi feito pelo contador da vara.

A reclamada concorda com os cálculos realizados pela vara.

Conclusos vieram os autos para julgamento.

É O RELATÓRIO. DECIDO.

II- FUNDAMENTAÇÃO

A exequente impugnou os cálculos elaborados pela contadoria da vara sob o argumento de que após o abatimento do depósito recursal restaria um valor remanescente de R$ 19.315,42 e não R$16.682,37, como foi feito pelo contador da vara.

Da análise dos autos, verifico que razão assiste ao exeqüente tendo em vista que os cálculos do valor remanescente foram feitos de forma equivocada. O valor de R$8.976,51 do depósito recursal deveria ser abatido do cálculo do reclamante homologado por este juízo no valor de R$28.291,93 ( ID: d90435c). Assim, o valor residual da execução é de R$19.315,42, conforme apontado pela reclamante.

Ante o exposto, acolho a impugnação da exeqüente para considerar como valor residual da execução a quantia de R$19.315,42. Libere-se em favor do reclamante a quantia líquida de R$ 16.682,37, incontroverso pela Executada.

III- CONCLUSÃO

Isto posto, decido CONHECER da impugnação aos cálculos ajuizada pelo ELLEN PRISCILLA PEREIRA DE LIRA e JULGAR PROCEDENTE para considerar como valor residual da execução a quantia de R$19.315,42. Libere-se em favor do reclamante o valor R$ 16.682,37. Intimem-se as partes. E, para constar, foi lavrado o presente termo.

MANAUS, 19 de Novembro de 2018


GISELE ARAUJO LOUREIRO DE LIMA
Juiz(a) do Trabalho Substituto